O inverno chegou, e, com ele, muitas vezes, surge o desânimo para treinar, inclusive, alguns até desistem do #ProjetoConstruçãoDoShape.

Mas foco é tudo! Por isso, o treinador Ricardo Pannain, do #TeamNewMillen, dá algumas dicas e também conta sobre algumas estratégias para manter o foco nesta estação. Ele é treinador de atletas profissionais e Expert Prep Coaching de ícones que competem em diferentes categorias de bodybuilding como Anne Luise Freitas e Isa Pecini. Também já ganhou e participou com o seu time de importantes campeonatos como Olympia e Muscle Content.

Confira as dicas dele e, o mais importante: pratique!

Busque um profissional de educação física para te orientar.

1-    Por que as pessoas acabam diminuindo o ritmo de treinos no inverno?

Acredito que essa sazonalidade seja justamente por causa do frio e pela maior exposição dos corpos no verão, o que, na verdade, é um grande erro. Para qualquer praticante de atividade física tenha resultados satisfatórios é preciso uma periodização de treinamento, independente da época do ano.

2-    Você pode nos dar alguma dica para que o foco continue ainda nesta estação?

A musculação é excelente não apenas para estética, mas também promove saúde e bem-estar. Porém, para qualquer objetivo, existem mesociclos preparatórios que são importantes mesmo que fora de temporada.

3-    Existe alguma diferença nos resultados e na reação dos músculos nesta época?

Sim. O frio é um grande aliado na perda de gordura. O nosso corpo, para nos manter aquecidos, gasta mais calorias para realizar qualquer tipo de atividade física. Existe, então, a necessidade de uma dieta mais calórica.

4-    Agora, falando sobre o seu trabalho, quais os maiores desafios na preparação para um campeonato?

Lidar com a individualidade biológica, pois não há um manual de algo que funcione para todos, então, preciso ter o conhecimento e feeling do que é mais adequado para cada atleta. Isso vale para os estímulos resistidos e planos dietéticos.

5-    O que faz parte da transformação de um corpo?

O primeiro passo é fazer uma avaliação física e elaborar a periodização mais adequada, ou seja, determinar a inter-relação de volume X intensidade. E quando me refiro à periodização, também, é muito importante criar um balanço calórico adequado para cada mesociclo.

Porém é fundamental que haja comprometimento e dedicação de ambas as partes, para que todo protocolo preparatório tenha sucesso e alcancemos os nossos goals.

6-    Qual foi a última conquista? Pode nos contar?

A última conquista importantíssima foi o título no Pittsburg Pro, com a minha atleta Figure do México Natália Soltero. O Pittsburg Pro, depois do Arnold Classic Ohio e do Mr. Olympia, é o campeonato mais importante da Pro League.

7-    Se pudesse dar um conselho para quem quer começar a competir, qual seria?

Primero de tudo, procurar um profissional qualificado e com experiência de trabalho com atletas de alto rendimento.

Segundo, o fisiculturismo não é um esporte imediatista e, muitas vezes, leva tempo para alcançar os objetivos esperados, então, é preciso muita dedicação e persistência.

Related Post
BCAA para a recuperação muscular
Palavra da experiência: Ricardo Pannain dá algumas dicas para o Muscle Contest no Brasil
3 motivos para ter whey protein sempre por perto
5 pensamentos que você já teve durante o treino
Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *